Uma empresa de formaturas faturou R$ 15 milhões com a Copa na Arena Corinthians

Levada ao estádio por Andrés Sanchez, a Stillo’s foi responsável por “integrar pessoas” nas obras de estruturas provisórias. A Odebrecht recebeu R$ 20 milhões e não explica por quê. A conta prejudicou o estádio.

size_960_16_9_marcelo-odebrecht

Os pagamentos à Stillo’s começaram em junho de 2014 e acabaram só em dezembro daquele ano. O mais alto foi efetuado em 3 de junho, R$ 6,6 milhões, sob a observação de que se tratava de “assessoria”. Outra parcela de R$ 2,4 milhões foi depositada em 8 de agosto pelo “serviço de integradora”. Em 11 de dezembro mais R$ 1 milhão foi pago a título de “evento para a Copa do Mundo”. A soma de todos os 50 recibos e notas fiscais em nome da Stillo’s chega a R$ 15 milhões.

Leia mais… Uma empresa de formaturas faturou R$ 15 milhões com a Copa na Arena Corinthians – ÉPOCA | Época Esporte Clube

.

Anúncios